Date

27 - 29 Jun 2024

Time

9:00 pm - 10:00 pm

AMOR E INFORMAÇÃO – TURMA 12-17 A

SINOPSE
Amor e Informação” é uma peça contemporânea escrita pela dramaturga britânica Caryl Churchill, estreada em 2012. A obra é composta por uma série de cenas curtas e aparentemente desconexas, que juntas formam um mosaico sobre a vida moderna e as complexidades das relações humanas na era da informação.
A peça divide-se em sete secções, contendo um total de 57 cenas independentes, nas quais mais de 100 personagens sem nomes específicos exploram temas como amor, desejo, memória, ciência, política, privacidade e a omnipresente influência da tecnologia.
Estas cenas variam em tom e estilo, alternando entre o cómico, o trágico e o filosófico, mas todas abordam a maneira como a informação molda a nossa compreensão de nós próprios e dos outros, e como limita a nossa capacidade de amar
Cada cena expõe fragmentos de conversas e situações, muitas vezes deixando mais perguntas do que respostas, o que reflete a natureza fragmentada da comunicação e do entendimento no mundo atual. A peça não segue uma narrativa linear tradicional, o que permite uma grande flexibilidade na sua encenação e interpretação, destacando a habilidade de Churchill em capturar a essência da vida contemporânea através de uma estrutura teatral inovadora.
Em “Amor e Informação” desafia o público a refletir sobre o impacto da sobrecarga de informações nas relações interpessoais e na busca por significado num mundo cada vez mais digital e emocionalmente desconectado.

  • Descrição do evento:

    SINOPSE
    Amor e Informação” é uma peça contemporânea escrita pela dramaturga britânica Caryl Churchill, estreada em 2012. A obra é composta por uma série de cenas curtas e aparentemente desconexas, que juntas formam um mosaico sobre a vida moderna e as complexidades das relações humanas na era da informação.
    A peça divide-se em sete secções, contendo um total de 57 cenas independentes, nas quais mais de 100 personagens sem nomes específicos exploram temas como amor, desejo, memória, ciência, política, privacidade e a omnipresente influência da tecnologia.
    Estas cenas variam em tom e estilo, alternando entre o cómico, o trágico e o filosófico, mas todas abordam a maneira como a informação molda a nossa compreensão de nós próprios e dos outros, e como limita a nossa capacidade de amar
    Cada cena expõe fragmentos de conversas e situações, muitas vezes deixando mais perguntas do que respostas, o que reflete a natureza fragmentada da comunicação e do entendimento no mundo atual. A peça não segue uma narrativa linear tradicional, o que permite uma grande flexibilidade na sua encenação e interpretação, destacando a habilidade de Churchill em capturar a essência da vida contemporânea através de uma estrutura teatral inovadora.
    Em “Amor e Informação” desafia o público a refletir sobre o impacto da sobrecarga de informações nas relações interpessoais e na busca por significado num mundo cada vez mais digital e emocionalmente desconectado.

  • 00

    days

  • 00

    hours

  • 00

    minutes

  • 00

    seconds

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *